qui 28 out 2021
HomeDestaquesFutsac é o primeiro esporte criado no Paraná e pode ser homologado...

Futsac é o primeiro esporte criado no Paraná e pode ser homologado ainda neste ano

Idealizado e criado em Curitiba, o Futsac é um esporte que mistura três modalidades: o futevôlei, o tênis e o futebol. O primeiro campeonato aconteceu aqui mesmo em 2007, e desde então o esporte vem ganhando mais visibilidade, contando com três federações no sul do país, nas cidades de Curitiba, Itapema e Lajeado. A Confederação Brasileira, onde são organizados os maiores campeonatos do país, também tem sua sede em Curitiba.

Bolinhas usadas no futsac. Foto: Divulgação
Bolinhas usadas no futsac. Foto: Divulgação

O nascimento de um esporte

O criador, Marcos Juliano Ofenbock, estava em um intercâmbio na Austrália no ano de 1998 quando idealizou o esporte. A ideia veio depois de conhecer o footbag, um esporte em que se realizam malabarismos com os pés. Resolveu trazer de volta para o Brasil uma bolinha de footbag, e começou a fazer uma série de estudos sobre outros esportes. “Não fiquei sozinho fazendo embaixadinha com a bolinha”, relembra Marcos.

Depois de várias pesquisas, o próprio criador começou a confeccionar as bolinhas e convidar amigos para jogar. A bolinha é feita de crochê, e hoje é a marca do esporte. “O futsac é o único esporte que envolve crochê. As bolinhas são feitas por uma associação com cerca de 40 crocheteiras. São utilizadas até mesmo garrafas pet recicladas para a confecção”, explica Ofenbock.

Consolidação

Marcos conta que o esporte pode ser homologado ainda no primeiro semestre deste ano. “O futsac será o primeiro esporte no mundo a ser criado, homologado e organizado no século XXI”, afirma. Depois de várias etapas para a oficialização de um esporte, e após sua homologação, o futsac será oficializado judicialmente como um esporte criado no Brasil. “Isso vai ser uma grande vitória. Temos até um projeto de mostrar o esporte nas olimpíadas de 2016. Mostrar para o mundo um esporte que o Brasil criou”, relata Marcos.

Com essa oficialização, o incentivo para a prática do esporte tende a crescer, a partir de projetos de lei e a implantação do esporte nas escolas particulares e estaduais. “É o primeiro esporte oficialmente inventado no Paraná, nada mais justo que os paranaenses tenham acesso para praticá-lo”, completa o idealizador.

Hoje existem parcerias e apresentações em escolas e alguns clubes de Curitiba. “Divulgamos o esporte nas escolas e treinamos aos sábados nos parques Barigui e Bacacheri”, conta Marcelo Skryzowski, estudante de Educação Física que pratica o esporte há três anos. Para o atleta, a novidade é o grande atrativo do futsac. “Eu gostava de futebol, mas esses novos movimentos do futsac foram um desafio. Pretendo continuar porque gosto do esporte”, explica Marcelo.

Campeonato Brasileiro de Futsac  2009  Cia Athletica Barra da Tijuca – RJ FOTO DIVULGAÇÃO
Campeonato Brasileiro de Futsac de 2009. Foto: Divulgação

Novos projetos

Marcos Juliano acredita que o futsac pode ser conciliado com a inclusão: “surgiu um interesse, para o futuro, de um planejamento para um esporte paraolímpico”, destaca Marcos. Atualmente, ele está escrevendo um livro que conta a história da consolidação do futsac. A obra se chama O Nascimento de um Esporte, e tem o lançamento previsto para junho deste ano. Além do lançamento do livro, Marcos também tem planos otimistas em relação ao esporte. “Eu acredito que o futsac em 10 anos pode estar se encaminhando para se tornar um esporte olímpico”, aposta.

 

 

 

 

 

 

 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Populares