qui 29 set 2022
HomeDestaquesPatriarcado passa mal: um podcast sobre as vivências da mulher preta

Patriarcado passa mal: um podcast sobre as vivências da mulher preta

Conversa necessária!

Em uma conversa com uma mulher negra e lésbica levantou-se a seguinte questão: o que mais afeta a sua vida? Ela respondeu, sem exitar, que depende do lugar em que está, pois se em sua cidade natal com a família o que mais a afeta é o ser lésbica, mas em outro local o ser negro é ‘muito pior’ e as duas coisas são dolorosas, pois se trata de um preconceito e não aceitação.

O podcast “Patriarcado passa mal” começa dessa forma, mostrando que não há como mensurar o quanto o preconceito afeta a vida das pessoas.

Com uma convidada que tem muita história para contar, a advogada amante dos direitos humanos e conselheira municipal de direitos da mulher de Curitiba, Nahomi Helena, fala sobre suas vivências, autoaceitação e autoconhecimento.

A escritora e jornalista Olívia Pilar que acumula mais de uma dezena de contos e participações em coletâneas sobre histórias LGBT focadas em mulheres negras e lésbicas ou bissexuais fala sobre representatividade.

A conversa foi longa e terminou com uma pergunta complexa mas necessária: Você acredita que a sua pessoa é um desafio constante para a sociedade ou a sociedade é um desafio constante para você?

Vem conferir as respostas dessas mulheres que quebram o sistema no link abaixo.

O podcast “Patriarcado Passa Mal” tem o objetivo de abordar as vivências de diferentes mulheres pretas sapabis, ou seja as mulheres lésbicas e bissexuais. Mulheres essas que não se encontram no centro da pauta feminista. A ideia é trazer diferentes vivências e narrativas e relacionar como os feminismos podem ser excludentes para essas mulheres. Através deste episódio buscamos entender um pouco mais das suas histórias, descobertas, relações familiares e de amizade, noções de representação midiática e suas lutas diárias.
Mônica Ferreira
Estudante de Jornalismo da UFPR.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Mônica Ferreira
Estudante de Jornalismo da UFPR.