qui 29 set 2022
HomeCulturaOscar 2022: Filme escolhido pelo público será mencionado durante cerimônia

Oscar 2022: Filme escolhido pelo público será mencionado durante cerimônia

Tentativa da academia é ampliar audiência do evento. Em 2021, audiência caiu 58% em relação ao ano anterior.

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas anunciou na última segunda-feira (14) que a cerimônia do Oscar deste ano terá uma novidade: os usuários do Twitter poderão votar no seu filme favorito de 2021, não importando se ele foi ou não indicado a alguma categoria da premiação. 

O filme que for o mais votado até o próximo dia 3 será revelado durante a cerimônia, que acontece no dia 27 de março. A menção, porém, não conta como uma categoria, e o filme vencedor não receberá nenhuma estatueta pelo feito.

Para votar, os usuários deverão mencionar a obra escolhida num tweet usando a hashtag #OscarsFanFavorite. Segundo o regulamento, o filme escolhido deve estar na lista de filmes elegíveis ao Oscar de 2022, e cada votante pode votar até 20 vezes por dia. Os usuários também poderão votar na sua cena favorita do ano, usando a hashtag #OscarsCheerMoment; as cinco mais votadas também serão mostradas durante a premiação.

Além disso, três dos usuários que votarem no seu filme favorito concorrerão a uma viagem, com todas as despesas pagas, para ir a Los Angeles apresentar uma categoria do Oscar em 2023. Outros cinco participantes, que votarem nas suas cenas favoritas, receberão um pacote de prêmios que inclui: um ano de ingressos grátis no cinema de sua escolha, assinaturas de serviços de streaming e produtos exclusivos da loja oficial do Museu da Academia.

Porém, apenas concorrerão a esses dois prêmios aqueles que, no seu primeiro tweet de voto, usem a hashtag #Sweepstakes e sejam residentes nos Estados Unidos, Porto Rico ou Ilhas Virgens Americanas.

Filmes populares no Oscar

A decisão da Academia abre caminho para que filmes que foram sucesso de bilheteria, mas que não foram indicados nas principais categorias, ainda possam marcar presença na cerimônia do Oscar. Entre estes filmes está o maior sucesso comercial do ano, Homem-Aranha: Sem volta para casa (2021), que recebeu cerca de U$ 1,8 bilhão em bilheteria, segundo o BoxOfficeMojo, mas teve apenas uma indicação, na categoria de melhores efeitos visuais.

 

Esta não é a primeira vez que a Academia tenta trazer mais filmes populares para a cerimônia. Em 2018, foi anunciado que os Oscars incluiriam uma nova categoria de “melhor filme popular” em 2019, que acabou sendo descartada. Naquela mesma edição, Pantera Negra (2018) foi o primeiro filme de super-herói a ser indicado a melhor filme. Porém, 2019 foi o ano em que o Oscar teve seu último crescimento positivo de audiência, depois de uma queda em 2018.

Com a audiência ao vivo da premiação caindo anualmente desde então, e tendo uma baixa recorde em 2021, com 9,85 milhões de telespectadores (58% menos do que a do ano anterior, com 23,6 milhões), a Academia espera que esta interação com o público provoque engajamento dos espectadores nas redes sociais, o que poderia levar a uma maior audiência.

Em uma declaração à revista The Hollywood Reporter, Meryl Johnson, vice-presidente de marketing digital da Academia, disse que “estamos entusiasmados com a parceria com o Twitter para ajudar a construir um público digital engajado e animado até a cerimônia deste ano”.

A dinâmica também abre a possibilidade para que longas que foram considerados anteriormente pelos votantes do Oscar, mas que acabaram não sendo indicados. E isso inclui duas obras brasileiras: Bob Cuspe: Nós não gostamos de gente (2021), que foi considerado elegível para as categorias de melhor filme de animação e melhor filme, e 7 Prisioneiros (2021), também elegível a melhor filme.

Prévia dos resultados

Desde que a competição foi anunciada, os internautas começaram a trabalhar, tentando alavancar seus filmes favoritos na rede social. Alguns dos resultados mais recorrentes nos primeiros dias de votação foram exatamente filmes bastante populares, a maior parte baseados em histórias em quadrinhos. 

Entre estes, Homem-Aranha: Sem volta para casa e O Esquadrão Suicida (2021) se destacaram, com centenas de menções todos os dias. 

Outros longas que têm atraído bastantes votos são a nova adaptação de Cinderela (2021); o indiano Jai Bhim (2021); Minamata (2020), estrelando Johnny Depp; tick, tick… BOOM! (2021), filme com Andrew Garfield indicado a duas estatuetas; e Army of the Dead: Invasão em Las Vegas (2021), de Zack Snyder.

Além de Army of the Dead, outro trabalho deste diretor está levantando uma quantidade de votos bastante significativa: Liga da Justiça de Zack Snyder (2021). Porém, mesmo estando com uma grande quantidade de votos, chegando inclusive a ficar nos assuntos mais comentados do Twitter mundial na segunda-feira, com mais de 18 mil menções, o mais provável é que esses votos nem sejam contados. 

Isso porque, além de ser uma minissérie, ser lançada exclusivamente em streaming, e ser promovida como um novo corte de um filme lançado em 2017, Liga da Justiça não está na lista dos elegíveis ao Oscar, pré-requisito para ser uma opção de voto.

Outros filmes inelegíveis também foram levantados pelo público, como o russo Major Grom Contra o Dr. Peste (2021) e o indiano Etharkkum Thunindhavan (2022).

Luis Pacheco
Estudante de Jornalismo da UFPR.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Luis Pacheco
Estudante de Jornalismo da UFPR.