qui 21 out 2021
HomeNotas comunicaçãoParaná fica de fora; Barroso é novo ministro do STF

Paraná fica de fora; Barroso é novo ministro do STF

A presidente Dilma Roussef indicou na tarde de hoje, dia 23, o Procurador do Estado do Rio de Janeiro Luís Roberto Barroso para a vaga de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) deixada em aberto com a aposentadoria de Carlos Ayres Britto. Segundo nota oficial da Presidência, o escolhido “cumpre todos os requisitos para o exercício do mais elevado cargo da magistratura do país”.

O advogado paranaense Luiz Edson Fachin, professor da UFPR, chegou a ser divulgado pela imprensa como o mais cotado para a vaga. Em outras oportunidades Fachin, que concorreu à reitoria em 2000 contra Carlos Moreira, também foi cotado para o tribunal. O Paraná segue sem nunca ter tido um ministro na mais alta corte do país.

Barroso é advogado constitucionalista e, segundo apurou a Folha de São Paulo, defendeu no STF causas como equiparações de uniões homoafetivas, legitimidade da interrupçãao de gestação de fetos anencéfalos e de pesquisas com células-tronco embrionárias.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Populares

Comentários recentes