sáb 28 jan 2023
HomeCopa 2022Em duelo com Lewandowski, Mbappé leva França às quartas de final

Em duelo com Lewandowski, Mbappé leva França às quartas de final

Francês marca dois dos três gols da vitória sobre a Polônia e se torna primeiro jogador a completar nove gols em copa do mundo antes dos 24 anos. França enfrenta agora a Inglaterra, que venceu Senegal por 3 a 0

Comandada por Mbappé e Griezmann, a França venceu a Polônia por 3 a 1 neste domingo (4), se classificou para as quartas de final da Copa do Mundo e agora enfrenta a Inglaterra, que superou Senegal por 3 a 0, no próximo sábado (10). O caminho para a classificação foi aberto após os 40 minutos do primeiro tempo, quando os franceses abriram o placar com Giroud. No segundo tempo Mbappé anotou mais gols e Lewandowski, já nos acréscimos, descontou de pênalti.

Confira a tabela de classificação das oitavas de final da Copa do Mundo.

Lewandowski lamentou a derrota, mas encarou o único gol da equipe como consolo:

“Estamos orgulhosos de como jogamos essa partida. Tivemos algumas chances de virar o jogo, mas realmente nós tentamos. Não foi fácil, poderíamos ter ido melhor, mais organizados, pressionando mais, não foi suficiente com uma seleção tão forte. Lutamos até o final. Esse gol no final foi um prêmio de consolo.”

O jogador, avaliado em 45 milhões de euros, marcou dois gols durante a copa e se despede do Catar reconhecendo a entrega do time polones na partida e volta para o Barcelona.

Gol de Mbappé no jogo contra a Polônia – Foto: Fifa – Twitter

Ao contrário de Lewandowski, para Mbappé o jogo deste domingo representou um momento marcante na carreira. Ao marcar o segundo gol da partida, o camisa 10 da seleção francesa se tornou o primeiro jogador do mundo a anotar nove gols em Copa do Mundo antes de completar 24 anos. Além disso, até agora ele é o artilheiro da competição, com 5 gols. O jogador é um dos destaques do futebol atual, sua renovação com o PSG custou cerca de 630 milhões de euros.

Ficha Técnica

Local: Estádio Al Thumama, em Doha, Catar
Data: 04 de dezembro de 2022, domingo; 
Horário: 12 horas (de Brasília); 
Árbitro: Jesus Valenzuela (VEN).
Assistentes: Jorge Urrego (VEN) e Tulio Moreno (VEN).
VAR: Juan Soto (VEN).

FRANÇA: Lloris; Koundé (Disasi), Varane, Upamecano e Theo Hernández; Tchouameni (Fofana), Rabiot e Griezmann; Dembélé (Coman), Mbappé e Giroud (Thuram).
Técnico: Didier Deschamps.

POLÔNIA: Szcesny; Cash, Glik, Kiwior (Bednarek) e Bereszynski; Krychowiak (Bielik), Kaminski (Zalewski), Zielinsk, Szymanski (Milik) e Frankowski (Grosicki); Lewandowski.
Técnico: Czeslaw Michniewicz.

Giroud supera Henry e se torna o maior artilheiro da história da França

Além de Mbappé, a partida também foi histórica para Giroud, o francês da camisa 9 entrou para a história da seleção. Quando fez o gol pela Polônia, ultrapassou Thierry Henry e se tornou o maior artilheiro do país, acumulando 52 gols. Em declaração ao canal TF1, o jogador não escondeu a felicidade: “Era um sonho de criança superar o Titi (Thierry Henry). É um orgulho imenso. Mas espero continuar a colocar alguns para ir o mais longe possível. Muitas pessoas me disseram que estava chegando. Deixei isso para trás e agora minha obsessão é ir mais longe com a equipe.” O atacante francês vale 4 milhões de euros e atualmente joga pelo Milan, onde é uma das referências do time.

Giroud no jogo da frança contra a Polônia – Foto: Fifa – Twitter

Outra partida do dia

O domingo (04) também contou com uma disputa entre Senegal e Inglaterra, no estádio Al Bayt, com vitória inglesa por 3 a 0. Os gols foram marcados por Jordan Henderson, Harry Kane e Bukayo Sak.

Guerra dos Cem anos

Os dois jogos que aconteceram hoje decidiram as seleções que irão a campo dia 10 de dezembro. A disputa será entre França e Inglaterra, um jogo que poderia ser disputado em uma eventual final de Copa do Mundo. O confronto entre os dois países reacende a memória da Guerra dos Cem anos, que faz parte da transição da Idade Média para a Idade Moderna. O início do conflito se deu após a morte de Carlos IV, então os ingleses queriam aproveitar esse momento para tomar o trono da frança e unificar os dois reinos, entretanto a França não aceitou isso tão bem e assim nasceu um conflito em quatro períodos que acarretou uma série de conflitos para os dois países.

NOTÍCIAS RELACIONADAS