ter 04 out 2022
HomeDestaquesEstudantes realizam oficina piloto de inclusão digital para idosos

Estudantes realizam oficina piloto de inclusão digital para idosos

Atividade ocorrida no último sábado (30) acontece em momento de ampliação do acesso à internet por pessoas acima de 60 anos. Entre 2018 e 2021, aumento foi de quase 30%

Em parceria com o Centro Eletrônico do Paraná (Celepar), estudantes da disciplina Comunicação e Educação, ofertada no Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal do Paraná (UFPR), realizaram, no último sábado (30), uma oficina piloto para ensinar pessoas idosas a utilizarem smarthphones. Quatro participantes entre 65 e 80 anos estiveram presentes na atividade.

Os trabalhos começaram com um momento de integração. Em seguida, a equipe de estudantes se organizou em duplas e iniciou o atendimento especializado, baseado nas dúvidas particulares de cada participante. De acordo com a professora Glaucia da Silva Brito, que ministra a disciplina, o ponto forte do trabalho é a integração entre o planejamento das atividades e a ação em si. Por isso, explica a docente, o projeto, mesmo em fase inicial, já “cumpre um importante papel na formação acadêmica, profissional, cidadã e até humana dos envolvidos”.

Para tornar o encontro mais produtivo, as participantes foram entrevistadas antes das lições começarem. “Você não pode chegar no lugar e jogar um monte de conhecimento nas pessoas. Tem que ter um diálogo, uma troca. Por isso, a oficina foi tão legal, ouvimos o que as pessoas precisavam”, conta a estudante do curso de Relações Públicas Mariana Basso, uma das organizadoras da atividade.

A participante Beatriz, de 75 anos, alegou se sentir muito insegura em usar o aplicativo de trocas de mensagens WhatsApp, bem como para enviar fotos pelo celular. Após a oficina, ela declarou se sentir mais esperta quando conseguiu, “sozinha, utilizar o aparelho”.

Maria Ivandir, de 80 anos, ressaltou o atendimento: “Foram pacientes e repetiam sempre que necessário. Foram super queridos”.


Número de idosos que acessam a internet aumentou

Em pesquisa feita pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em parceria com o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), foi constatado um crescimento no número de brasileiros, com mais de 60 anos, que acessam a internet. O aumento foi de 29% entre 2018 e 2021. A busca por contato com a família (61%) e se manter informado (64%) são os principais motivos para o aumento do interesse dos idosos em ferramentas digitais como celular, computador e tablet.

O maior acesso ao mundo digital foi influenciado pela pandemia de covid-19, já que as medidas de distanciamento social forçaram os idosos, um grupo de risco, a procurarem ajuda para navegar pelo meio virtual, trazendo autonomia no dia a dia.

Confira algumas imagens da atividade.

NOTÍCIAS RELACIONADAS