ter 04 out 2022
HomeDestaques“Levante”: Livro-reportagem aborda a vida pós-cárcere de mulheres no Paraná

“Levante”: Livro-reportagem aborda a vida pós-cárcere de mulheres no Paraná

Produto foi desenvolvido em um Trabalho de Conclusão de Curso em Jornalismo

Em janeiro de 2019, das cerca de 38 mil pessoas privadas de liberdade no Paraná, ao menos 1.372 eram mulheres — somando mais de 42 mil em todo o Brasil. Outros dados são mais conhecidos: a maior parte da população carcerária é composta por pessoas jovens, negras e sem julgamento definitivo. 

Interessada pelo efeito da privação de liberdade na vida de mulheres, Raisa Toledo Baptista, orientada por Valquíria Michela John, produziu o livro-reportagem “Levante — A vida pós-cárcere de mulheres no Paraná” (2019). A história de três ex-detentas conduz a imersão: Renata, Gracy Kelly e Veridiane têm em comum a associação ao tráfico de drogas e os desafios após o período de confinamento.

“O que mais me marcou foi constatar a que ponto a negligência do Estado com as pessoas encarceradas marca suas vidas para além do que se imagina à primeira vista. Também foi muito importante no sentido de não enxergar a privação de liberdade delas como um resumo de suas vidas, o que pode acontecer mesmo involuntariamente”, pontua a jornalista.     

Além do encarceramento, a pesquisa para o livro envolveu a busca por dados e a análise da questão pelo viés de gênero e dos Direitos Humanos. “Levante” pode ser acessado na íntegra aqui

NOTÍCIAS RELACIONADAS