sex 22 out 2021
HomeSociedadeParanaenses acima da velocidade

Paranaenses acima da velocidade

A realização da Semana Nacional do Trânsito desse ano tem um importante significado no Paraná e no Brasil inteiro. O evento que é realizado em todo o paí­s, entre os dias 18 e 25 de setembro, tem como tema este ano a “Década Mundial de Ações para a Segurança do Trânsito – 2011/2020: Não exceda a Velocidade, Preserve a Vida”.
Para um estado que o excesso de velocidade é a infração mais cometida, essa semana se torna um importante momento de reflexão e conscientização. No Paraná, cerca de 301 mil multas foram aplicadas às pessoas que dirigiam 20% acima do limite de velocidade permitido, no primeiro semestre de 2012. Isso corresponde a 24% das 1.256.639 infrações registradas esse ano no estado.
Apesar de essa ser considerada uma infração média, o número é preocupante. Segundo o Diretor do Departamento de Educação da Secretaria Municipal do Trânsito (Setran), Celso Mariano, ressalta que a reflexão e conscientização devem estar presentes em todos os dias. Ele explica que a preocupação não é apenas o excesso de velocidade, e sim a velocidade inadequada para um certo momento. “Em uma via que o limite máximo é 40 Km/h como em uma escola, por exemplo passar 5 Km/h acima do permitido pode provocar um acidente fatal”, explica.
A velocidade também é um fator que está presente em praticamente todos os acidentes violentos de trânsito. Em 2011, 321 pessoas morreram no trânsito de Curitiba.
Mariano ainda explica que o propósito dessa semana não termina no dia 25. “A Semana do Trânsito é para o lançamento do tema. Esse tema ficará em vigor durante um ano, até a realização da próxima semana do trânsito, no dia 18 de setembro do ano que vem”, esclarece.
Excesso de velocidade e confiança
Para a coordenadora do Núcleo de Psicologia do Trânsito da UFPR, professora Iara Picchioni Thielen, as pessoas excedem os limites de velocidade permitidos em sua maioria, por não acreditarem que isso ofereça riscos. “As pessoas não acreditam que suas ações produzam danos. Elas sempre culpam os outros”, fala.
A professora ainda acredita que outro fator que contribui no número de infrações por velocidade no trânsito é a própria legislação. Segundo ela, o conjunto de leis é ambivalente: oferece vários limites, mas separa as infrações em médias, graves e graví­ssimas.
Iara acredita que serão necessárias muitas campanhas de conscientização para reverter esse quadro de excesso de velocidade. Segundo ela é preciso trabalhar nas questões de coletividade e cidadania. “As pessoas devem obedecer a lei não porque tem alguém fiscalizando, mas porque é preciso uma convivência pací­fica entre todos, que está regulamentada por lei”, ressalta.

Semana do Trânsito no Paraná
A Semana Nacional do Trânsito foi iniciada no dia 18 de setembro, e prosseguirá até a terça-feira, dia 25. Realizada desde 1998 em todo o Brasil, essa semana tem por objetivo promover a reflexão e a conscientização no trânsito brasileiro. Essa é a primeira vez que o tema referente à velocidade é tratado na campanha do evento.
Em Curitiba, órgãos como o Departamento de Trânsito (Detran), Secretaria Municipal do Trânsito (Setran), entre outros, estão promovendo diversas atividades ao longo da semana. Estão sendo realizadas palestras junto a escolas, universidades, e empresas, além de abordagens diretas aos cidadãos nas ruas, através de material didático. O grande momento da Semana do Trânsito na cidade foi o “Dia Mundial sem Carro”, no dia 22. Nessa data, a Avenida Cândido de Abreu teve a circulação de carros interrompida. Essa foi uma oportunidade para refletir e perceber que o trânsito não é composto apenas de automóveis.

EXCESSO DE VELOCIDADE CORRESPONDE A 24% DO TOTAL DE INFRAÇí•ES NO PARANÁ EM 2012
FRANCIELE PETRY
NOTÍCIAS RELACIONADAS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Populares

Comentários recentes