sex 07 out 2022
HomeCidadeViagens em motorhomes viram sensação na pandemia

Viagens em motorhomes viram sensação na pandemia

Empresas do setor citam crescimento de 70% durante a pandemia. Possibilidade de distanciamento social está entre os fatores do aumento da procura.

Comuns em países europeus, na Austrália e nos Estados Unidos, os motorhomes, carros que também são casa, chegaram com força no Brasil em 2020 e seguem ganhando adeptos. Kombis, vans e outros veículos são equipados com cama, fogão, geladeira, pia e até banheiro, tudo o que é preciso para se viver de forma permanente ou temporária. 

O sucesso dos carros-casa contou com um empurrãozinho da pandemia do coronavírus. “A gente foi incentivado muito a ficar em casa. Quando você está com uma casa que é móvel, você pode estar em casa, mas estar em movimento. E isso só é possível com um motorhome”, diz Leandro Pestana, idealizador da Campervamos, uma plataforma que media aluguel de motorhomes entre proprietários e interessados, como o Airbnb.

Quem não aguentava mais ficar parado encontrou um jeito de viajar e, ao mesmo tempo, respeitar medidas de distanciamento social. “É mais seguro do que você pegar um avião, pegar um ônibus, porque nem todo mundo respeita os demais. É um estilo bem bacana e crescente, né? Eu acho que vai aumentar”, afirma Fabiano Ribeiro, proprietário da estilosa Kombi Malala, a opção curitibana disponível na Campervamos.

O sócio-diretor da empresa de aluguel de motorhomes Pura Vida, Paulo Zanim, afirma que o interesse por viagens a bordo dos veículos-casa subiu exponencialmente durante a pandemia. A estimativa é de um aumento de cerca de 70% em relação a 2019.

Na Pura Vida, um pacote para três dias começa em R$1.980, a depender do tipo de veículo e da quantidade de pessoas que ele transporta. As diárias ficam mais baratas em viagens de maior duração. Já na plataforma, as diárias variam de R$200 a R$650, custo equivalente ao de hospedagens em hotéis “fixos”. As vantagens das viagens em motorhomes, no entanto, não são os preços e sim a liberdade e a independência – além da segurança do isolamento. De acordo com Zanim, alugar uma kombi-casa é viver a experiência de acampar com conforto em qualquer lugar, parar onde quiser. O custo varia conforme o tipo do veículo e a capacidade de pessoas que cabem nele. 

É possível dirigir qualquer um dos veículos com carteira B, de carro comum, mas é preciso ter a habilitação por pelo menos cinco anos. 

Liberdade e autonomia

A atuária Maria Campos alugou um motorhome no Rio de Janeiro pela Campervamos, a Kombi Leila. Durante 15 dias, ela e seu “xodó”, como chamou o companheiro, viajaram pelos caminhos que levam à Bahia, parando onde queriam, ficando mais ou menos tempo que o planejado, conforme o gosto. Foram surpreendidos por cantinhos inexplorados, praias belas e calmas e pela vista do nascer do sol no mar, enquanto preparavam o café da manhã na kombi.

“A viagem foi espetacular. Acho que foi uma das melhores experiências de viagem que nós tivemos. Foi sensacional, porque nós fomos no nosso tempo”, diz Campos. Nesse passeio, a Kombi Leila rodou cerca de 2,2 mil quilômetros entre o Rio de Janeiro e o sul da Bahia. “O que é muito bom é você poder mudar o roteiro mesmo, você vai para um lugar e de repente você chega num local espetacular e diz ‘não, não vamos mais para aquele lugar, vamos ficar aqui mesmo’. Essa imprevisibilidade é muito gostosa, porque você passa em lugares que você nem esperava.”

Casal de viajantes planeja ter um motorhome quando se aposentar. Foto: Maria Campos

Em camping, na rua, no posto ou na praia

Os motorhomes como a Kombi Malala têm energia própria, o que permite acampar em qualquer lugar. Mas a maior parte dos viajantes que utilizam o serviço escolhe pernoitar em campings e pode contar com a experiência de Pestana para viajar com maior segurança. “A grande maioria fica em camping com a família, perguntam para mim, pedem informação para onde ir, seguem o roteiro que a gente indica. Tem aplicativos que mostram campings. Nesse ponto, o Brasil está bem evoluído. A gente tem aplicativos excelentes que mostram onde você está, qual o camping mais perto, com informações, fotos. É  bem útil, prático, ajuda bastante quem está viajando de motorhome”, afirma Pestana.

Aplicativos como iOverlander (Android ou IOS), MaCamp (Android ou IOS), Camped (Android) e Viva sobre Rodas (Android) ajudam os viajantes a encontrarem campings com estrutura para atender motorhomes. Outro aplicativo bastante utilizado, mais ainda na era do home office, é o Free Wi-Fi Finder (Android ou IOS), que mostra onde há internet gratuita da região.

De acordo com Pestana, viajar em um carro-casa é seguro: “Muitas pessoas têm vontade de ter uma experiência com motorhome e têm receio, medo de questões de segurança. Quando se segue o aplicativo, fica em camping, tem toda a segurança e estrutura similar a de um hotel”. 

Inspiração gringa e pandemia

Pestana descobriu os prazeres da viagem em motorhomes – ou campervans – na Inglaterra. Para poder surfar, viajava cerca de cinco horas de Londres à praia mais próxima, gastando com o aluguel do carro e com hospedagem no litoral. Certa vez, resolveu alugar uma campervan: “Ficou muito mais barato e muito mais prazeroso.”

O brasileiro gostou tanto da experiência que trouxe a ideia junto quando voltou ao Brasil.

A inspiração para criar a Pura Vida também veio de fora, quando Paulo fez uma viagem pela Austrália em um motorhome com o irmão Ricardo Zanim e o primo Thiago Zanim, em 2012. Cinco anos depois, com condições mais favoráveis, os sócios abriram a empresa com o propósito de trazer para o Brasil um estilo de vida, uma espécie de “Harley-Davidson dos motorhomes”. 

No motorhome Nômade, da Pura Vida, cada cantinho é planejado para maior conforto. Foto: divulgação/Pura Vida

Já Ribeiro resolveu ter um kombi-casa por motivos pandêmicos. Ele tinha uma hamburgueria móvel que começou a dar prejuízo durante o período de distanciamento social. Resolveu vender o negócio e investir em um motorhome para viajar com a família e trabalhar de forma remota. Aos poucos, os amigos começaram a curtir a página da Kombi Malala nas redes sociais e a perguntar sobre a possibilidade de aluguel para viagens. Nasceu um novo empreendimento, que hoje é responsável por 100% da renda de Ribeiro.

Quer um motorhome pra chamar de seu?

Pestana explica que algumas pessoas chegam à plataforma com o intuito de vivenciar um motorhome antes de investir um valor maior para montar um. Foi o caso de Maria e seu xodó, que planejam embarcar no sonho do motorhome próprio quando se aposentarem. Já pensam em uma próxima viagem em casa motorizada, mas dessa vez, vão experimentar uma van. 

O idealizador da Campervamos, que também monta kombis-casa por encomenda, conta que o preço varia de R$50 mil a R$100 mil, a depender dos acessórios utilizados, como placas de energia solar. A Kombi Malala, de Ribeiro, saiu por R$60 mil, já com a documentação.

Rafaela Moura
Estudante de Jornalismo da UFPR.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Rafaela Moura
Estudante de Jornalismo da UFPR.