seg 26 fev 2024
HomeCultura50 anos do brilhantismo de Laerte estão em exposição interativa na Caixa...

50 anos do brilhantismo de Laerte estão em exposição interativa na Caixa Cultural

Trans Laerte fica aberta à visitação em Curitiba até 28 de janeiro, com entrada gratuita

Entre os dias 6 de dezembro e 28 de janeiro está em exposição na Caixa Cultural de Curitiba a mostra “Trans Laerte”, com uma seleção de cartuns, tirinhas e charges que apresentam as cinco décadas do trabalho artístico da cartunista Laerte Coutinho. A visitação acontece de terça a domingo, com entrada gratuita.

A exposição, com projeto expográfico assinado pela arquiteta Ana Kali, leva o público em uma jornada, ambientando cada uma das eras de Laerte – TRANSformadora, TRANSgressora e TRANSmidiática – em espaços interativos e representativos. A curadoria fica por conta do pesquisador e doutor em histórias em quadrinhos Nobu Chinen.

Nobu esteve presente na abertura da exposição, que ocorreu nesta terça-feira (05) à noite, apresentando a história da artista e realizando uma visita guiada através da exposição.

“O que está exposto é uma amostra da carreira de Laerte, com obras que transpassam sua data. Laerte é uma artista versátil, com narrativas absolutamente fantásticas e que se mantém contemporânea”, apresenta o curador.

Nobu Chinen apresenta a trajetória de Laerte a partir das realidades políticas, econômicas e sociais que permeiam sua criação. Foto: Marina Anater

Laerte Coutinho é uma das cartunistas mais relevantes na história brasileira, com trabalhos sensíveis e famosos pelo seu humor irônico. As obras da artista começaram a ganhar visibilidade ainda durante a ditadura militar, com viés político contra a opressão. Sua obra segue impactando e se mostrando relevante até hoje, mais contemporaneamente ganhando espaço no movimento LGBTQIA+, trazendo a temática da transgeneridade da própria cartunista.

Uma das lideranças do movimento LGBTQIA+, Marise Felix, é coordenadora estadual da associação Mães pela Diversidade e também professora aposentada, e relata satisfação com a exposição: “Já usei muito seus cartuns em sala de aula, e a exposição, apesar de enxuta, está muito bonita, o curador foi muito feliz em suas escolhas dele. A Laerte é muito apropriada em sua linguagem e seu trabalho é fundamental tanto para o movimento lgbt quanto para a história dos quadrinhos.

Apesar da exposição trazer apenas uma fração do trabalho brilhante de Laerte Coutinho, por conta do espaço reduzido, a arquiteta Ana Kalil consegue representar diferentes momentos através da disposição de objetos, como uma penteadeira, e da utilização de recursos de interatividade, como um painel sensível ao toque.

A interatividade da exposição também funciona para driblar as limitações de espaço. Foto: Marina Anater

“Achei muito interessante a dinâmica da exposição, que permite que quem ainda não conhece a artista navegue pelas suas diferentes épocas. Eu sou fã da Laerte e poder ver sua obra tão bem representada aqui é muito bom”, comenta a bancária Neide Rodrigues, que visitou a exposição em sua abertura.

Nesta quarta-feira (06), às 15h, Nobu Chinen oferece uma oficina gratuita e aberta ao público geral sobre curadoria, na sala de oficinas, no 11° andar da Caixa Cultural.

Serviço: Exposição Trans Laerte

Local: CAIXA Cultural Curitiba – Rua Conselheiro Laurindo, 280,
Centro, Curitiba
Datas: de 6 de dezembro de 2023 a 28 de janeiro de 2024
Visitação: de terça a sábado, das 10h às 20h, e nos domingos de
feriados das 10h às 19h
Entrada gratuita
Classificação indicativa: livre para todos os públicos

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Pular para o conteúdo