qui 29 set 2022
HomeDestaquesElas em foco: livro-reportagem resgata a memória de fotojornalistas paranaenses

Elas em foco: livro-reportagem resgata a memória de fotojornalistas paranaenses

Em cinco perfis, a obra reivindica a importância das mulheres na história e colabora para combater a escassez de projetos que investigam a fotografia no estado

Com o 8 de março batendo à porta, nada melhor do que relembrar algumas das mulheres que desafiaram fronteiras sociais, lutaram por visibilidade e criaram seus próprios meios na fotografia paranaense. Na segunda metade dos anos 1970, Fernanda Castro, Vilma Slomp, Lucília Guimarães, Lina Faria e Karin van der Broocke marcaram presença como pioneiras da imprensa e hoje ocupam as páginas do livro Elas em foco: as primeiras fotojornalistas paranaenses (2018).

Na obra, a jornalista Heloisa Nichele resgata a presença das mulheres no exercício do fotojornalismo e na historiografia mundial na busca de reparar um histórico de exclusão. “No fotojornalismo, a dificuldade na inserção profissional foi ainda mais latente. Mesmo rompendo com as amarras da casa, a mulher teve que conquistar o espaço público das redações e da rua”, a autora reforça. O livro-reportagem representa somente a ponta do iceberg no conjunto de mulheres que ainda estão submersas no anonimato.

Além das cinco fotojornalistas perfiladas, a pesquisa também identificou outros nomes da mesma geração, como Beatriz Corrêa, Luciana Petrelli, Izabel Liviski e Nélida Rettamozo. O livro de Heloisa Nichele, orientado pela professora Valquíria Michela John, é fruto do Trabalho de Conclusão de Curso em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo na Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Acesse o livro-reportagem completo neste link.

NOTÍCIAS RELACIONADAS