qua 20 out 2021
HomeDestaquesEspaços de cinema promovem programação alternativa em Curitiba

Espaços de cinema promovem programação alternativa em Curitiba

Curitiba conta com salas de cinema que fogem das tradicionais, presentes em shoppings e com filmes geralmente hollywoodianos. Jefferson Grochovski, estudante de cinema da Faculdade de Artes de Curitiba, frequenta estes espaços há cinco anos e garante que já teve contato com muitos filmes interessantes graças a este circuito alternativo.

A cinemateca de curitiba tem por objetivo preservar a memória cinematográfica e difundir a arte da imagem em movimento (Foto: Divulgação Cinemateca)
A cinemateca de curitiba tem por objetivo preservar a memória cinematográfica e difundir a arte da imagem em movimento
(Foto: Divulgação Cinemateca)

Um destes ambientes é a Cinemateca, que além de exibir filmes que dificilmente seriam achados nos grandes cinemas, conta com biblioteca especializada, equipamentos antigos em exposição, cursos, palestras e seminários. Ou seja, é um ambiente onde cinéfilos podem se sentir em casa. A Cinemateca foi criada em 1975 e é administrada pela Fundação Cultural de Curitiba, que também administra o Cine Guarani.

O último faz parte do Portão Cultural. O complexo abriga também o MuMA -Museu Municipal de Arte, uma Casa de Leitura, um Centro de Arte Digital e outros espaços para atividades culturais. Este mês, o Cine Guarani exibe diariamente (exceto às segundas-feiras), às 16 horas, curtas-metragens infantis.

Um pouco mais convencional, o espaço Itaú de Cinema funciona dentro do Shopping Crystal e exibe ao mesmo tempo blockbusters e filmes alternativos. Há ainda exibições frequentes no Centro Cultural Sistema Fiep, no espaço Caixa Cultural, e no auditório Poty Lazzarotto, no Museu Oscar Niemeyer, que no próximo domingo, 08, exibirá a estreia do curta-metragem “Garoto Propaganda”, da produtora curitibana O Quadro.

Para Wellington Sari, um dos sócios da produtora, o cinema independente pode sobreviver sem estes lugares alternativos de exibição, mas a existência deles contribui muito. “O papel dos espaços de administração pública é projetar filmes que não chegam ao circuito comercial. É graças a eles que conseguimos exibir adequadamente nossos filmes. Ainda que existam muitos problemas em relação a estes lugares, ao menos tentam cumprir a função para as quais foram criados”, analisa Sari.

Além de exibir longas que o circuito comercial convencional não traz, as sessões são gratuitas em sua maioria, oferecendo assim opções culturais acessíveis a todos.

 Programação:

Cinemateca de Curitiba

Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 1174 – São Francisco

 

Cine Guarani – Portão Cultural

Av. República Argentina, 3430 – Portão

 

Espaço Itau de cinema – Shopping Crystal

Rua Comendador Araújo, 731 – Batel

 

Caixa Cultural

Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Centro

 

 Centro Cultural Sistema FIEP

Av. Cândido de Abreu, 200 – Centro Cívico

 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Populares

Comentários recentes