sex 30 set 2022
HomeEducaçãoUm chorinho na igreja

Um chorinho na igreja

Com um bandolim, um violão e muito chorinho, os paulistas radicados em Curitiba João Egashira e Daniel Migliavacca, o Duo Nó de Pinho, conquistaram o público que enchia a Igreja Matriz de Antonina. A performance virtuosa da dupla garantiu muitos aplausos e um bis.
Surpreendentemente, foi a primeira apresentação do Duo Nó de Pinho, apesar da dupla já tocar junto desde 2006. “Já tocávamos juntos há bastante tempo, mas como duo começamos há apenas seis meses”, afirma o bandolinista Migliavacca. A idéia de formar uma dupla surgiu durante o Prêmio Nabor Pires Júnior, em São Paulo.
A dupla gostou bastante do resultado do show. “O pessoal aqui é muito legal, muito receptivo”, diz Migliavacca. Com um repertório repleto de clássicos de Pixinguinha, Luí­s Gonzaga e Ari Barroso executado de forma precisa e rica, o Duo Nó de Pinho não teve dificuldades para conquistar o público e fazer uma excelente performance.

Hendryo André
Professor do curso de Jornalismo da UFPR. Orientador do Jornal Comunicação.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Hendryo André
Professor do curso de Jornalismo da UFPR. Orientador do Jornal Comunicação.